domingo, 15 de fevereiro de 2009

Primeiro dia fora do Brasil: Foz a Resistencia!
















Hoje acordamos antes das 6 da manha, mas so conseguimos sair do hotel as 7:30 hs! Tinha muita gente no hotel, pescador, turista, e o checkout enrolou. Ficamos no hotel Falls Galli em Foz, na Av. Costa e Silva. Excelente hotel, e otimo cafe da manha. Saimos apenas para comer uma pizza, e voltamos cedo. Na pizzaria, encontramos um cara, chamado Alberto, de Foz, que conhece tudo quanto é caminho pelas redondezas e nos deu um monte de dica. Encontramos tbm uns 5 ou 6 motociclistas de SP, todos de XT660R, que estao indo para o sul da Argentina. Chegamos na Aduana às 8 hs, depois de passar pela ponte Tancredo Neves, que separa os dois paises. Na aduana argentina, tudo foi muito tranquilo. Nem precisamos descer da moto. Apenas mostramos o passaporte e a carta verde, o cara carimbou, e tchau! Foram 4 ou 5 minutos apenas. Na fila da aduana, chegou um monte de moto (3 Vstrom, 1 GoldWing (viu, Paulao), 1 Buell Ulisses). A Buell Ulisses vai fritar as pernas do cara, pois tava muito quente hoje. Todos os caras do interior de SP, pelo que me parece, e deverao seguir juntos conosco, pelo mesmo caminho. So os dias livres deles estao diferentes dos nossos, pois nao passarao em Salta, e sim Jujuy, e ficarao 3 dias em San Pedro do Atacama, o que eu acho muito tempo lá. Saimos da aduana, e seguimos por uma estrada muito bonita, no meio da mata (Parque Nacional do Iguacu). Logo na saida fomos parados pela "Germaderia", que é a polícia rodoviária federal argentina. Pediram a carta verde de cara, documento da moto, e a CNH. Só isto, e nos liberaram. Nao teve propina. Tbm nao da pra correr, pois tem cidadezinha uma atras da outra, a cada 30 ou 40 km, e o medo da multa nos fez diminuir pra 60 km/h nestes locais. Assim a viagem hoje quase nao rendeu. Abastecemos 170 km depois, em Jardim America. Quando estavamos quase saindo, chega um cara sozinho, em uma Harley NightTrain, tipico paulistano, branquelo e grandao, dando risada, com calca jeans rasgada, jaqueta de couro, etc... Uma figura. Tinha perdido o passaporte, e teve que se separar do amigo ate chegar a identidade por aviao! Tinha marcado de se encontrar com o amigo em Posadas. E tbm vai fazer o mesmo roteiro que nós, pelo Atacama, descendo atá Santiago! Depois passou por nós na estrada, quinem um louco! Pra quem tem moto com pouca autonomia, nao precisa se preocupar, pois tem muito posto, pelo menos ate Posadas. Até perto de Posadas (San Ignácio), é mata, estrada com curvas, e brisa agradável. Em Posadas mudou tudo: comecou o Chaco! Almocamos uma "Parrilla" no restaurante Kelo, na beira da rodovia, que pelo menos tem ar condicionado. Saimos de lá, eu abasteci e o Hilton nao quis abastecer. Depois de Posadas, só tem posto uns 100 km pra frente, a nossa tocada aumentou um pouco mais, e o Hilton quase se apertou com o combustivel! Foi bom pra aprender! Tomamos uma chuva revigorante, pois o calor tava demais. Fomos beirando o rio Paraná, que em alguns trechos nem dá pra ver a outra margem, de tao largo. Chegamos em Corrientes às 17:30 hs horario MS, por um desvio, pois a chegada pela RN12 estava interditada, acredito que devido a algum acidente. Aqui o horário é uma hora a mais do que o de Brasília, nao sei porque! Passamos por dentro de Corrientes, pela RN12, e atravessamos uma ponte enorme e linda, sobre o Rio Paraná, majestoso, pois aqui ele se encontra com o rio Paraguay, e fica maior ainda! Resistencia é bem maior do que Corrientes, e fica a uns 15 km uma da outra. Depois de procurar um hotel no GPS, achamos o "Covadonga" bem no centro, e nos hospedamos. Por falar nisto, o GPS está ajudando bastante, em toda a viagem. Os custos estao até abaixo dos U$ 100 por dia que tinha planejado, pelo menos até agora. Estou anotando tudo quanto é gasto e rodado, pra depois vender pra vcs! hehehe! Amanha vamos acordar de madrugada (4 ou 5 hs), pra viagem render, pois vamos ter quase 900 km até Salta, em um calor infernal, pelo que todos dizem! As motos estao se comportando maravilhosamente bem, sem problema algum. No mais, é só! Amanha, se conseguir, atualizo de novo! Abracos a todos, familia e amigos, Confraria, etc... Obrigado pelas mensagens!
Fotos:
-Os 3 Muskiteiros na pizzaria em Foz;
-Posto da YPF em Jardim America;
-Restaurante KELO em Posadas, aonde almocamos;
-Ponte sobre o rio Paraná, entre Corrietes e Resistencia;
-O cara da Harley, que nao tinha dinheiro nem passaporte, rumo ao Chile!

2 comentários:

  1. hahah , nao vá correr muito hein, aproveite! já estamos com saudades, aqui está tudo certo, abraços a todos.

    ResponderExcluir
  2. Tô ficando com água na boca de vontade de estar com vcs, mas de qquer forma estou viajando junto, curtindo e admirando; estou quase tão feliz qto vcs, pois é mto bom ver AMIGOS como vcs se realizando.
    Que DEUS continue a iluminar os vossos caminhos, que N. Sra. da Guia livre o vosso caminho de todo e qquer obstáculo.
    Um forte abraço à todos.
    JARDIM.

    ResponderExcluir

Olá! Faça aqui o seu comentário!

Quem sou eu

Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil
49 anos, casado, zootecnista, empresário e motociclista.