segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

El Chaco!

Hoje acordamos as 6:00 hs, arrumamos as motos, tomamos o "desayuno" fraco do hotel, saimos 7:30 de Puerto Iguazu, e seguimos pela minha já conhecida ruta12. Depois de uns 100 km paramos para abastecer, e só tinha gasolina Premium, a melhor, e mais cara, e mesmo assim, mais barato do que no Brasil (R$ 2,50/litro). Esta gasolina é melhor do que a nossa podium, e a moto fica redonda, lisa, muito melhor pra andar, além de mais econômica. Paramos para um lanche rápido em San Inacio, e antes de Posadas pegamos à esquerda, para Santo Tomé, rumo a ruta14.
Acho que foi em Governador Virasoro, vi à direita, na rua lateral, um casal em uma GSAdventure vermelha, parecia que estavam procurando um local para almoçar. Cumprimentei-os com a buzina, e continuamos em frente. No próximo sinaleiro, já nos alcançaram. Conversamos rapidamente em cima da moto mesmo, e combinamos de almoçar em Santo Tomé, a 75 km dali. Tocamos juntos, agora a 140/150 km/h, pois já estava tarde, passava do meio dia, e estávamos um pouco atrasados. Isto porque a tocada que combinamos é de 130-140. Mas hoje, aquelas retas, o calor insuportável, perto dos 40 graus, tocamos um pouco mais firme, e foi até bom esta "estilingada" pois acabou que rendeu a viagem. Abastecemos e almoçamos em Santo Tomé, num restaurante pequeno entrando na cidade, com ar condicionado. Gastamos $ 45 pesos cada um, cerca de R$ 22,50. Saímos de lá quase 2 da tarde, depois de muita conversa. Fizemos amizade com este simpático casal, de Piracicaba/SP, que estão indo para Buenos Aires ver a largada do rally Dakar. O Miguel e a Hilda. Grandes viajantes, experientes e conhecedores de motos. Estão em uma GS1200 Adventure 2008 vermelha, muito bonita e bem equipada. Seguimos juntos até Passo de Los Libres, aonde nos despedimos e nos separamos. Uma coisa boa nestas viagens é conhecer pessoas diferentes, fazer novas amizades. Valeu, Miguel e Hilda, um grande abraço, e sigam com Deus! Já passava das 3 e meia da tarde quando saímos do posto em Passo de Los Libres, e ainda tínhamos 400 km pra fazer! Seguimos em frente, sempre na tocada de 140 firme, cuidando a estrada, muito boa por sinal, mas sem acostamento. Aliás, até que não estava tão boa assim em alguns trechos, pois parece que estão querendo duplicar a ruta14 até o Passo, mas não acabam nunca... É só obra e mais obra. Tem até um desvio de uns 1000 metros, cascalhado, mas se chover...

Nas curvas da ruta12, entre Puerto Iguazu e Posadas






Almoço em Santo Tomé, com o Miguel e Hilda, de Piracicaba/SP

Bem, com o sol batendo direto na cara, e um calor de 40 graus, chegamos em Parana, depois de 4 paradas, uma a cada 100 km, pra descansar e tomar uma água. Mesmo assim chegamos ainda com sol. Fui direto para o primeiro posto bom que vi, para abastecer e perguntar por hotel, e não tinha gasolina! Isto mesmo, a frentista me disse que estavam sem gasolina, já há alguns dias. Ficamos meio assustados, mas eu já estava sabendo disto, através do Eduardo, do Rotaway, que tinha nos avisado alguns dias atrás. Mas eu achei que já tinha passado a crise. Pelo jeito ainda continua... Como aind estávamos com mais de meio tanque, ficamos tranquilos, e perguntamos por hotel. Nos indicaram um no centro da cidade, um hotel que o pessoal da Shell fica por aqui. Coloquei no GPS e fomos pra lá. Achamos, mas era muito fraco, e mal localizado... Seguimos em frente, e vi um posto YPF cheio de carro. Paramos, e tinha gasolina, só que novamente somente a Premium. Beleza, vai esta mesmo, pra garantir! Enchemos os tanques, e seguimos procurando hotel. Achamos um bem no centro, chamado Hotel Paraná, na rua 9 de julio. Prédio antigo, hotel bom. Fechamos por R$ 120 o quarto duplo completo com café da manhã. Tomamos a nossa cerveja, e saímos pra lanchar. Cidade bonita, antiga, é Parana. Mas muito quente, beira de rio. Amanhã vamos até Santa Rosa, passando por Santa Fé, Rosário, e muitas outras cidades. Abraços a todos, e vamos viajando juntos! Vou dormir que o cansaço bateu! O duro é o ronco do Capitinga, parece um trator de esteira...
Hotel em Parana, aonde ficamos hospedados

10 comentários:

  1. E NÓIS AQUI NESTA VIDINHA PACATA...... TAMO ACOMPANHANDO ESTA VIAGEM MARAVILHOSA. ABÇS E VÃO INDO COM DEUS. XUXU

    ResponderExcluir
  2. Olá!! Muito bom ler seus relatos!! 5 dias para darmos partida para o Atacama!!! Que sigam bem!
    ps. o calor tá de matar é? Ai G-suis!! rsrsrs vou levar um ar condicionado! kkkkkk
    abraço
    Juliana www.cdfmoto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Blz,


    Mostra mais fotos !!!

    Boa viagem

    PP

    ResponderExcluir
  4. Marcião e Capitinga, estamos na torcida por Vcs, para que corra tudo bem,que DEUS continue iluminando seus caminhos...Marcião a forma como Vc esta relatando esta parecendo escritor profissional, olha ai nova profissão. ah! eu conheco o ronco do Capitinga, kiakiakiakiakia. procure dormir antes dele
    Fraterno abraço, irmaõs. Todinho

    ResponderExcluir
  5. Valeu, Pedro, Xuxu & Todinho! Deus já está conosco, e Nsa Senhora tbm. No dia da partida, o Ribas, com muita espirituosidade, nos presentou a cada um com uma santinha, que nos acompanha o tempo todo, na mala de tanque da moto. Fotos da familia eu carrego sempre.
    Toni, pode se preparar, pois o calor tá muito forte mesmo. E no chaco parece que é pior, pois é baixo (60-80 M.S.N.M.). Mas não desanimem, pois assim que vc chega no hotel, e toma uma gelada, tudo passa, e vc já quer pegar a estrada de novo! Andar de moto é bom demais! Abçs!

    ResponderExcluir
  6. Oh Tio, solta o bigode da moto um pouco, assim vcs vão chegar em Bariloche amanhã pela manhã.... eheheheh.
    Mas acredito q viajar em dupla é bem mais rápido, a tocada é uma só.
    Fala pro tio Capitinga dormir de capacete, assim diminui o ronco e ele já ta pronto pra sair pela manhã (rs).
    Vamu q vamu que eu to na garupa.

    ResponderExcluir
  7. Tio, vc sabe que o Tinga, como diz o Xuxu, nasceu de 7 meses, é bóra, bóra, bóra o dia inteiro... Tô segurando o hômi, a 140-150 km/h firme, pelo menos aqui nas retas intermináveis do Chaco. Hoje entramos na Patagônia (La Pampa). Agora a coisa começa pra valer, as paisagens são mais bonitas, e dá pra curtir mais. Vc e o Hilton, os dois roda presa, imagina agora... A viagem tá rendendo mais mesmo, com 2, mas se viessem 3 ou 4 ou 5 iria ser boa do mesmo jeito! Vc vai ter que vir nesta um dia! Já tô contaminado! Abçs!

    ResponderExcluir
  8. Verdade Márcio. Não vejo a hora de subir na moto. Hoje adesivamos a BM para ela ficar bonitona e protegida! rsrs. E já deixamos a bonita com tanque cheio. Saimos amanhã para passar o Ano Novo em Monte Verde e voltamos no dia 01 para os finalmentes. Dia 02 estamos na estrada!! Manteremos contato!
    Abs. e que sigam bem.
    Juliana
    www.cdfmoto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Grande Amigo Marcio, foi mais uma etapa concluida, cara e maravilhoso acompanhar daqui a sua viagem. Voce foi muito feliz na escolha do roteiro... Parabens . Agora em Off. como voce esta segurando o Capitiva Rsrsrsr.
    Abracos..
    Julio

    ResponderExcluir
  10. Putz pessoal, que bom que está dando tudo certo!!! que continue assim!!! Muito bacana podermos acompanhá-los por aqui!!!
    Na próxima quero acompanhar pessoalmente.

    Abração e boa viagem!

    Flávio Peixoto.

    ResponderExcluir

Olá! Faça aqui o seu comentário!

Quem sou eu

Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil
49 anos, casado, zootecnista, empresário e motociclista.